domingo, 8 de janeiro de 2017

Tudo que eu desejo pra nós



Muitos dias de sol para podermos curtir os Sois se pondo no mar.
Alguns dias de frio e chuva também, para podermos ficar de bobeira, abraçados, no sofá.
Desejo muitas luas cheias ao teu lado...e corações sempre cheios aqui dentro.
Desejo muito céu estrelado! Para perdermos a conta de quantas estrelas já contamos...para perdemos a conta de quantos sonhos já planejamos, de quantos beijos já demos.
Desejo a sua mão sempre junto da minha, e que eu continue sendo o motivo dos teus sorrisos sozinho enquanto lê as minhas bobagens e daquela gargalhada boa de felicidade. Aliás, felicidade é o que eu mais desejo pra nós! Mais até do que briguinhas seguidas de pazes e brigadeiro; Mais até do que sentir o teu cheiro todas as manhãs no meu travesseiro...

Felicidade de qualquer jeito. Sob qualquer circunstância. No trânsito enlouquecedor ou fazendo amor no chuveiro...observando o dia raiar ou fugindo de um nevoeiro; Felicidade é o que eu sinto toda vez que eu te vejo chegando. É saber que nesse teu abraço, enfim, encontrei meu porto seguro. Eu desejo sempre caber no teu colo.
E de luz acesa ou no escuro, eu nos desejo AMOR acima de tudo.

Amor pra recomeçar se preciso for, amor pra continuar o que já temos; Amor pra enfrentarmos o mundo ou só para passar tempo...Amor para dar, vender, emprestar e transbordar por inteiro. Aquele amor arrebatador nos becos da vida e aquele amor na calmaria de uma rede entre coqueiros. Aquele amor que nos tira o sono e aquele amor calmo e sereno. Com você eu quero todos os tipos de amor possíveis. Todos os que eu já tive e os que eu nunca achei que fosse ter. Nem nos meus sonhos mais otimistas eu imaginaria...você. Então...eu desejo VOCÊ pra mim. Porque eu realmente acho que te mereço. E acho que Deus também pensou isso, quando mandou você pra minha vida...e justamente por isso, eu te desejo todo esse meu amor sem medida! E você sabe que eu sou assim mesmo, meio sem freio, meio maluca, meio ardida. Mas você também sabe que é tudo verdadeiro e como é maravilhoso ver VERDADE nos olhos de quem muito se ama, por isso...eu nos desejo VERDADE! Longos beijos para assassinar uma saudade! Aquela saudade verdadeira e descompassada por algumas horas que mais parecem dias sem te ver. Nos dias que parecem eternidade, longe de você.
 Nos desejo verdade nas palavras e nos abraços. Verdade nas dificuldades e mais verdade ainda nos momentos alegres, e que eles sejam tão breves quanto o meu infinito amor.
E por falar em infinidade... desejo que as nossas trocas de olhares nunca virem uma saudade qualquer. Que a nossa cumplicidade nunca vire um retrato na parede. Que o nosso orgulho nunca nos faça morrer com a garganta seca de sede. Entalados com o que deixamos de dizer.

Eu desejo que a nossa estória seja uma lembrança em constante mudança, com atualizações diárias, daquele tipo de história que se conta junto.
Eu desejo poder olhar pra trás um dia e dar graças aos Deuses por ter saído aquela noite e permitido que o destino nos encontrasse.
Eu desejo que você nunca deseje ir embora.
Nos desejo muitos pés descalços na areia; Muito cabelo despenteado pelo vento. Desejo até algumas lágrimas de alegria e que eu possa sempre descansar no sobe e desce do teu peito.

Eu nos desejo paciência. E que a gente sempre se lembre, de tudo isso, quando ela nos faltar!
E eu desejo que nunca nos falte VONTADE! Vontade de estar junto só por estar, vontade de ligar um pro outro de madrugada, vontade de nunca mais se largar, de querer somar as alegrias e dividir as adversidades; Aquela vontade incontrolável de ouvir a voz do outro só pra ter certeza que o mundo continua todo no devido lugar. Aquela vontade infantil de poder parar o tempo e congelar os instantes na eternidade.

Enfim, o que desejo pra nós é que sejamos esse “nós” de hoje pra sempre! Que o tempo nunca nos modifique negativamente, que nos acompanhemos nas mudanças inevitáveis da jornada e que sigamos juntos, seja por qual for a estrada.
Eu desejo que a gente sempre se deseje; Cada vez mais.


Bruna Stamato

Nenhum comentário:

Postar um comentário