sexta-feira, 7 de julho de 2017

NOVO - Dicas para acalmar o bebê e faze-lo ter uma boa noite de sono! (E deixar a mãe na paz um pouquinho!)



OPA! É isso mesmo, produção?! Temos aqui um texto falando sobre cuidados com o bebê e dicas para fazê-lo dormir...para HOMENS?!
Correto! Mas, é só para HOMENS. Homens que assumem a paternidade e não estamos falando somente de por o seu sobrenome no papel, ok? Porque ser PAI vai muito, muito além disso! Então, pra você, paizão, que AMA seu filhote e quer ver a sua companheira mais feliz e menos stressada, aqui vão algumas dicazinhas para melhorar o soninho do bebê:

1. Esteja CALMO!
É absolutamente fundamental que você esteja calmo e tranquilo para lidar com o bebê, principalmente nessa fase sonolenta, quando eles estão geralmente irritados e cansados. Tenha em mente que bebês são sensíveis à energias e sentem de longe quando quem os cuida não está legal, as batidas do coração não ficam ritmadas em um ritmo suave, quando estamos tensos liberamos cortizol e adrenalina na corrente sanguínea e isso altera o funcionamento cardíaco, por tanto, como é que você quer embalar o bebê e quer que se ele se tranquilize, estando uma pilha de nervos? Sem chance. 
Faça um chá de camomila e valeriana, um banho quente...não, não no bebê! Pra você mesmo! Relaxe, vai dar tudo certo! 

2. Reduza barulhos e iluminação
Coloque um som tranquilo, que você goste, mas deixe o Sepultura e o Gun´s para uma outra ocasião, ok? É melhor testar o Pink Floyd e o Led...fala sério, quem não viaja com "Shine On You Crazy Diamond"?! 
Deixe uma meia-luz, porque ambientes escuros estimulam a produção de Melatonina o hormônio do sono, porém bebês não curtem muito os lugares extremamente escuros. E isso vale pra depois que ele dormir também!

3. VOCÊ É O PAI!
É isso! Ou seja: Você não tem mais pra quem entregar o bebê quando ele chorar ou vomitar ou fizer tanto cocô que lhe vaze as fraldas...Você é essa pessoa! É o responsável pelo bem estar e conforto, e higiene e saúde dele. E tirando dar de mamar no peito, tudo que a mãe faz, você também consegue fazer! Por isso, nada de chamar ajuda quando o choro e manha durarem mais de 5 minutos...Bora! Tu consegue!

4. Crie INTIMIDADE com seu filho!
As mães têm um cheiro e timbre de voz muito familiar aos bebês, é por isso que muitos deles param de chorar instantaneamente quando vão pro colo de suas mamitas! E é justamente por isso, que você precisa criar intimidade com seu bebê, ele também precisa reconhecer você pelo cheiro e pelo timbre de voz e não há outro meio disso acontecer...você precisa estar com ele! Pega-lo no colo, conversar, cantar, deixá-lo dormir no teu peito. No começo talvez ele resista um pouco e você fique com aquela sensação de "Eu não sirvo pra nada" e "ele só gosta da mãe", mas isso é só impressão...porque geralmente são as mães que passam mais tempo com eles. Só por isso. 
Dedique seu tempo a ele.

5. É só um bebê!
Não precisa ter "medo" de pega-lo sem jeito, de não saber o que fazer, e de não dar conta. Tu vai dar conta, é só praticar.
Se ele está irritado, tente mudar a posição que você o carrega, experimente coloca-lo de barriguinha para baixo, apoiado no seu braço e ande com ele pela casa, conversando ou cantando...tapinhas no bumbum também ajudam a acalma-los. Você precisa descobrir do que o seu bebê gosta, se ele prefere dormir na posição "em pé", no colo, ou no carrinho...Mas pra isso você precisa de PACIÊNCIA. Criar um ser humano requer muita paciência!

6. Esqueça as teorias!
Na teoria tudo é lindo! Esses PHD´s e Expert são expert em filosofar, duvido que lidem com bebês diariamente!rsrs Tudo que estamos fazendo aqui é te oferecer um ponto de partida e deixar tu saber que não está sozinho e que ter receios e inseguranças faz parte da vida...Mas quem vai desenvolver sua própria metodologia baseada na sua experiência, é você e aí meu amigo, o que funciona pra você pode não funcionar pro amigo e vice-versa. Resumindo: Tu precisa VIVER! E errar. Porque é errando que se aprender. Melhor tentar e errar do que nunca fazer nada com medo de errar. Pratique!

7. Inverta os papéis
Isso mesmo, se coloque no lugar do bebê: O que ele quer da vida? Basicamente comer e dormir. O que tira o seu sono? Você, pai, dorme bem quando esta com dor de barriga ou fome? E quando está com medo? Agora pense isso em um serzinho que nem faz ideia de onde está! Ser bebê não é fácil! Pra falar a verdade, acho que é um tanto apavorante. Então...vamos lá! Verifique se ele está com fome. Um leite quentinho faz milagres. Aliás, aqueça-o sempre para dormir! Bebês têm muitos gases e seguindo a lógica, pela Química, é necessário elevar a temperatura do recipiente para que a liberação dos gases ocorra, pois elevando a temperatura, eleve-se a pressão...então... Isso mesmo! Mantenha a barriguinha sempre aquecida e faça uma massagem sutil para ajudar a liberar os gases!
Não é fome, nem dor? Então é medo...Insegurança. Passe segurança pra ele. Fale com a voz suave, mas segure-o com firmeza, não o deixe acha que vai cair a qualquer momento...Empodere-se paizão! Ele precisa confiar em você!
E você dorme direito quando está muito animado e ansioso?! Não né? Mesma coisa...o baby pode estar querendo brincar, falar, engatinhar...afinal, cara, ele é recém chegado neste Planeta! Você não estaria animadíssimo?!! Gaste a energia dele! Faça-o se movimentar! Nada de deixá-lo de frente pra Galinha Pintadinha durante horas! Ela libera serotonina nos bebês e eles ficam empolgados! Fique longe deste galináceo maligno.

8. Cancele seus compromissos!
Essa é uma dica bônus que estou te dando, heim... Se você tinha outros planos para mais tarde, sugiro que você os remarque. 1 - Porque provavelmente você estará mais cansado que o bebê quando ele dormir... 2 - Porque bebês têm detectores potentes e sabem exatamente quando a gente tá com pressa, atrasado ou pensando em se divertir!

9. Fidelize o cliente.
Yeah!! Você vai ficar tão bom nisso que o bebê só vai querer saber de dormir com o papai! 
Não é fantástico?! Sabe a consequência? Mamãe mais descansada = Disposição para namorar! A equação é simples na verdade, vocês, homens, que não se dão muita conta disso *risos*

10. Noites de sono = Família feliz
Dormir é algo fantástico. E de graça (ainda)! Por tanto, quando o bebê dormir, durma junto e deixe que a mãe durma também. Este é o melhor presente e a melhor ajuda que você pode oferecer à ela nesse momento. Ter um bebê em casa não é tarefa fácil e por mais que ela tenha ajuda da mãe, da sogra, das irmãs, enfim, do mundo inteiro, nada dará mais alegria e alívio do que ver que VOCÊ, o pai, está se empenhando e cuidando do filho de vocês, que afinal, é o fruto, é o resultado do amor dos dois. Nada mais normal que ele seja igualmente amada e cuidado pelos dois, né?! 
Dormir vale ouro nessa fase, e vai por mim, vai chegar um dia que você vai querer literalmente COMPRAR algumas horas de sono kkkkk 
Meu conselho final é este então: Durmam! Mentes descansadas criam crianças mais tranquilas!

Bons sonhos!


Redação NOVO Cosmopolitan - Leitura para o homem esperto!
 
 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário