quarta-feira, 16 de novembro de 2016

FELIZE-SE!



É isso mesmo! Pare, um pouco, de pensar no resto do mundo, nos problemas dos OUTROS, nas dívidas do mês que vem, nos supostos perrengues pré- ocupantes que nem chegaram ainda.
Só tente, finja, que ignora tudo isso. Por breves minutos. Como se sente? Vou te dizer uma coisa: IGNORAR é uma arte. Não significa que você não se importa, ou que é um ser egoísta, mas egoísmo de sobrevivência é vital nesse mundo, vulgo “Instinto de Preservação”. Ignorar muitas vezes quer dizer que, naquele momento, você decidiu se priorizar; Se poupar. E isso, só te fará bem!
Se faça feliz!
Se mime!
Compre esse celular novo que você está querendo a tempos!
Se dê um lindo vaso de flores de presente! Faça aquela viagem sozinho, essa é uma das experiências mais gostosas e libertadoras da vida!
Se leve pra jantar num tailandês, pelo menos uma vez!
Tome uma garrafa de um bom champagne, sem medo da ressaca! Comemore as suas conquistas, consigo mesmo!

Se dê valor.

Tenha uma conversa franca consigo, ao som de um bom blues e na companhia de uma taça de vinho. Admita seus erros, identifique suas falhas e se perdoe. Reconheça que APESAR disso, você é uma boa pessoa.
Se reconheça.
Se olhe nos olhos e deixe sua alma expor seus anseios, sem medos que ela te diga que está tudo errado e infeliz desse jeito.
Se mude, se preciso!
Mude a cor do seu cabelo, o corte, só por favor, não corte, seu ímpeto de vida. Mude de emprego, de cidade, mude o que te impede de ter real felicidade. Mude a sua perspectiva sob si mesmo.
Se assuma! E nunca, jamais, se resuma. Quem não for capaz de te decifrar por completo, não merece um resumo compacto do teu ser.
Se mande! Que tu não tenhas grandes bens nessa vida, mas que tenha o privilégio de poder decidir a que horas acordar todos os dias; Esse, é um dos segredos para a verdadeira felicidade e é o que eu desejo pra ti.
Se mantenha! Azar de quem não gostar, azar de quem não quis ficar, azar de quem tentou te fazer mudar...
Falte no trabalho na segunda, pra poder ficar no sofá o dia inteiro; Pra poder comer sem culpa uma panela inteira de brigadeiro, a firma pode esperar, mas a tua necessidade de ser FELIZ, não.

E o mundo não vai acabar porque tu disse um “NÃO”. Aprenda a dizer não. Aprenda a dizer o que pensa, a cuspir tuas verdade; Isso nos transforma profundamente.
Se faça SORRIR! Sem se importar com a opinião alheia. 

Quer mandar um e-mail pro teu ex em plena madrugada? Manda! Quer manda-lo á merda?! Manda!! Quer manda-lo voltar pra casa? MANDA! Desde que – tu te faças F-E-L-I-Z.
Compre aquela jóia que você sempre quis ter; Troque, enfim, o seu carro. Acorde cedinho e comece a caminhar. Experimente um novo sabor de café. Tire aquele velho projeto da gaveta...

Pare de ficar planejando tudo tão metodicamente. Pare de tentar racionalizar o tempo inteiro, há certas coisas que foram feitas para serem SENTIDAS e só. Sem explicações.  As melhores coisas da vida acontecem sem grandes planejamentos!
Vá visitar teus parentes! Monte o roteiro dos teus sonhos, pesquise as cidades, restaurantes, mesmo que você não pretenda fazer a viagem tão cedo, quando sonhamos movimentamos uma energia universal poderosíssima.
MOVIMENTE-SE!
Ame-se!
Cuide-se!
Se queira bem!
Liberte-se! Da sua própria tirania.
Aprenda a apreciar a tua própria companhia,
E acima de tudo, permita-se. Permita-se fazer e ser tudo isso, com alegre consentimento; Despache a tua bagagem de culpa.
A genuína alegria não se dá esporadicamente nos grandes acontecimentos; Se dá, justamente, nos pequeninos prazeres diários, que somados, formarão o verdadeiro sentido da vida.
Antes de tentar fazer alguém feliz, FELIZE-SE!

Bruna Stamato






Nenhum comentário:

Postar um comentário