segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Assuma suas curvas

Assuma suas curvas. Não só as do seu corpo, mas as do seu sorriso mais espontâneo, aquele que curvamos a barriga de tanto rir! Assuma as curvas das suas ideias. Ninguém é retilíneo o tempo todo, a vida toda. Pessoas muito retilíneas são previsíveis e entediantes, assuma as curvas da sua personalidade. Assuma as suas rugas ao sorrir, por que não? Nada é mais bonito que um sorriso sincero. Assuma que você já não veste mais o mesmo manequim de 5 anos atrás, está tudo bem, isso não quer dizer, obrigatoriamente, que você está pior, que está feia, quer dizer apenas que você mudou. A vida muda, a cada curva. Assuma as curvas da sua vida. Não tenha medo...depois de uma curva fechada pode estar uma paisagem deslumbrante. As curvas muitas vezes nos guardam surpresas...então, tire seu jeans apertado, bote aquele vestidinho justo, lembre-se que um bom piloto não teme as curvas. Junto com as curvas, assuma suas derrapadas! Só quem nunca derrapou numa curva é quem nunca dirigiu com verdadeira emoção! Mas, assuma logo de volta sua direção. Assuma suas sardas! Você não precisa de maquiagem o tempo todo e às vezes, o que é “perfeito” para uns, não é para outros, aposto que tem gente que vai se apaixonar perdidamente pelas suas sardas... Assuma suas lágrimas, também! Não fique tentando contê-las a todo custo. Chorar nem sempre é sinal de fraqueza, às vezes é só um jeito de limpar a alma. Assuma seu cabelo! Deixe-o respirar! Quando a gente se assume, o mundo nos assume também! E beleza estética não é NADA, sem LUZ interior! E a felicidade, é a lanterna mais potente! Assuma seus amores. E seus desamores também. Ué...deixar de amar também faz parte da vida, você não precisa ter culpa infinita por isso. Assuma teus quadris! SIM! Porque eu não sei quem foi o bobo que disse que temos que viver tentando disfarça-los e camufla-los a qualquer custo! Quadris têm gingado; Têm malícia; Têm DNA próprio. Refletem bem a personalidade única de cada uma de nós. Quadris têm poder, têm feitiços! Pague pra ver. Assuma seus quilos á mais se eles são decorrentes de felicidades á mais. Se eles, de fato, não te incomodam tanto quanto as pessoas dizem que eles devem incomodar. As melhores coisas da vida, engordam, fato! Não se pode ter tudo. *risos* Nunca vire refém de si mesma e de uma ditadura moderna. Ser FELIZ é mais legal que ser magra á custa de sacrifícios. Assuma suas celulites. Sabe o que costuma encantar as pessoas? A originalidade! A felicidade! Esse é o tal “borogodó” que tanto falam por aí. Conheço pessoas lindíssimas, sem borogodó nenhum, que parecem meros quadros numa exposição. Quantas vezes você teve vontade de levar pra casa um quadro de um museu? Mas me diga quantas vezes você se encantou com a beleza de um desenho á mão livre de um artista de rua?! Percebes a diferença?! Traçados retos fazem formas perfeitas, simétricas, mas nunca farão desenhos lindos. Assuma seu traçado garota! Assuma tuas tragédias pessoais. Primeiro, para si mesma, e então, depois, para o mundo. Assuma o seu passado e assuma de uma vez por todas que acabou. Que é só passado. E assuma rápido, as rédeas da sua vida, daqui pra frente. Se assuma e não suma mais de si mesma. Mas suma daí agora, se for pra ser feliz. Assuma as curvas que os seus olhos fazem e as curvas que as tuas mãos querem fazer no corpo do ser amado. Assuma seu tesão, totalmente. Você ainda não sabe como é maravilhoso e LIBERTADOR fazer isso! E como é maravilhoso e libertador assumir TAMBÉM que você tem o total direito de deixar de sentir tesão a hora que bem entender. Sem ter que dar explicações ou desculpar-se por isso! Liberte-se e goze – o melhor da vida-! Assuma as curvas que a tua silhueta faz ao dançar, mas, por favor, dance! Desconheço terapia melhor! Assuma seus seios. Pequenos ou grandes. Duros ou não. Use-os como fonte inesgotável de prazer e lembre-se de que quem tem neuras com eles são V-O-C-Ê, e mais ninguém! Assim como cada panelinha tem sua tampa perfeita, cada seio tem a mão que encaixa perfeitamente. Se a atual não está encaixando, a culpa é dela, não sua. Uma hora você encontra o encaixe perfeito. ;) Se assuma de luz acesa. Se assuma de coração aberto e de olhos fechados. Se assuma de cara. Assuma sua dor. Assuma todo o seu amor. Se assuma sem roupas; Sem pudores; Sem disfarces. Assuma tuas mentiras. Mas acima de tudo, assuma tuas verdades. Se assuma de saia curta ou de calça largada! Se assuma do alto de um salto 15 ou de chinelos surrados. Se assuma mulherzinha ou macho pra cacete! Assuma tua posição no jogo. Não há problema em assumir o que de fato se é. O grande perigo mora em passar toda uma vida, camuflada. Quando a gente se assume na chincha, olho no olho, na frente do espelho, metade dos nossos problemas desaparece como mágica. A vida fica mais leve. Só quando ASSUMIMOS, conseguimos de fato e mais rapidamente, seguir enfrente. Não há coisa melhor do que dizer “OK.É ISSO.”, tirar os escombros de cima, limpar a poeira e seguir enfrente. Sim. A estrada para a felicidade também tem curvas; Desvios e pedras no caminho. Mas cá entre nós, uma estrada reta não tem emoção alguma! Então assuma! Bruna Stamato

Nenhum comentário:

Postar um comentário